O Brasil atravessa uma de suas piores crises econômicas. Nessas situações, os mais frágeis e despreparados sofrem primeiro. Já são milhares as empresas que fecharam suas portas neste período.

Pior do que isso, milhões de brasileiros perderam seus empregos e, infelizmente, a tendência é de que tudo piore. No entanto, se você souber gerenciar sua empresa na crise, é possível sobreviver e crescer em meio à instabilidade.

Quer saber como gerenciar sua empresa em tempos de crise? Continue a leitura!

Reduzir custos

Pode parecer difícil, mas sempre há o que cortar em um negócio, O primeiro passo para isso é partir para a renegociação com os fornecedores. Seja um bom negociador, ofereça permutas e caso não consiga entrar em acordo, procure novos parceiros.

Revise o processo de produção e analise o que pode ser cortado. Vale lembrar que a última coisa a se cortar são os colaboradores. Se for inevitável, ofereça uma redução de expediente e salário.

Analisar os riscos

Neste momento, cada decisão, principalmente envolvendo dinheiro, deve ser estudada com muita atenção. Tempos de instabilidade não costumam admitir erros em investimentos e decisões importantes. Por isso, busque a opinião de terceiros e procure por casos parecidos. No entanto, omitir-se também é grave. O bom gestor nunca deixa de decidir. Ele apenas o faz com cautela.

Fazer mais com menos

É difícil, mas não impossível. Tente reposicionar a empresa com um novo comportamento de trabalho. Para faturar a mesma quantia de antes da crise, agora, deve-se trabalhar duas vezes mais. Então, seja sincero com a sua equipe. Para evitar cortes dolorosos, o time deve trabalhar duro, com um alvo constante e incansável em resultados crescentes.

Inovar para vencer

Para vencer durante um período de turbulência, é preciso encontrar um caminho que ninguém encontrou ainda. O bom gestor entende que a crise está sobre todos, incluindo os seus concorrentes. Isso significa que existe uma boa oportunidade. Se conseguir driblar as dificuldades, lançando produtos novos ou novas formas de atender o mercado, é perfeitamente possível crescer com resultados firmes e constantes.

Como gerenciar sua empresa na crise

Ser um administrador em condições favoráveis é fácil. O gestor diferenciado não permite que o negócio pare em momentos de dificuldade. Para isso, ele busca um caminho dentro do seu segmento que o levará a um nível onde a crise não afetará a empresa.

Muitos têm conseguido superar a crise investindo em expansão, sendo flexíveis ao mercado diversificando seus produtos e serviços. Além disso, administrar em condições desfavoráveis não permite o foco em questões pouco importantes. Todos os esforços da empresa devem estar na próxima ação para sair da crise.

Cada empresa possui um caminho para vencer durante a crise e uma dezena de caminhos para falir. Cabe ao gestor saber escolher o caminho certo. Ainda, vale lembrar que não escolher, ou seja, ficar parado, já é uma escolha. É escolher fechar as portas. Pois, em uma crise, quem não evolui fica para trás.

Este post lhe foi útil? Possui alguma dúvida ou sugestão? Deixe seu comentário!