Dificuldade para crescer, declínio da produtividade da empresa e falta de competitividade frente aos concorrentes são apenas alguns problemas que tiram o sono de muitos empreendedores. Entretanto, a maioria dos donos de pequenas ou médias empresas não enxerga que a profissionalização é essencial para a sobrevivência do negócio.

Essa atitude contribui para que o nível de mortalidade das empresas no Brasil seja alto. De acordo com a última pesquisa realizada pelo IBGE, a taxa de sobrevivência das empresas brasileiras é de 39%. Ou seja, três a cada cinco negócios vão à falência depois de cinco anos de atividade. 

Por isso, o principal caminho para que o empresário possa gerenciar o negócio com mais assertividade é investindo na profissionalização, na própria capacitação e dos funcionários e, claro, sem deixar de lado a essência da organização. 

A verdade é que não existe um momento ideal para buscar uma gestão profissional, mas existem alguns sinais que mostram que a profissionalização é o único caminho que a empresa deve seguir.

Existem diversos momentos que são adequados para transformar os processos da organização. Seja porque há uma demanda do mercado, dos próprios funcionários ou porque a empresa está estagnada. 

Lembrando que é importante avaliar se é preciso ajuda de especialistas para que a profissionalização da empresa seja feita da melhor maneira. Afinal, somente uma consultoria de qualidade irá auxiliar na implementação de cada etapa para profissionalizar o negócio e, mais do que isso, ajudará para que a cultura organizacional da empresa seja mantida.

Veja abaixo as principais situações vivenciadas por empresários que revelam que está na hora de investir na profissionalização da empresa. 

A profissionalização é essencial para quem deseja crescer

Captar mais clientes, expandir a atuação do negócio e contratar mais funcionários são os sonhos que muitos empresários acreditam que são difíceis de serem alcançados. Mas, isso não é verdade!

Para quem deseja crescer, a profissionalização dos processos e a maneira como a empresa é gerenciada são os principais pontos críticos que precisam ser trabalhados.

Nesse sentido, fica claro que é essencial o uso das ferramentas de gestão corretas para que o empresário possa focar mais em estratégia e gaste menos tempo com tarefas operacionais.

Empresas familiares precisam da profissionalização para sobreviverem

Uma das principais características de empresas familiares é misturar o pessoal com o profissional no negócio. A contratação de parentes, por exemplo, nem sempre é benéfica, pois podem existir profissionais mais qualificados para ocupar os cargos de direção.

Nesses casos, é preciso deixar claro que a pessoa contratada possui os atributos necessários e que irá trabalhar de acordo com as regras, como todos os outros funcionários da empresa.

Outra situação comum é ver que o empresário não se preocupa em separar as finanças da empresa das suas pessoais. Essa atitude contribui fortemente para que os riscos da empresa fechar aumentem, pois cria um ciclo vicioso extremamente prejudicial. 

O principal benefício atrelado à profissionalização da gestão de empresas familiares é a sua perpetuação no mercado de geração para geração, ao criar mecanismos que protejam o negócio de todo e qualquer problema que porventura apareça e esteja mais relacionado a assuntos pessoais que empresariais. Não se trata de achismo, mas de considerar que as estatísticas acerca da mortalidade de negócios familiares são bastante assustadoras e precisam ser levadas a sério.

Aumento da produtividade só acontece quando há processos bem definidos

A gestão de processos de uma empresa nem sempre é feita alinhada a um planejamento estratégico. Por isso, muitos empreendedores sofrem com a falta de consistência dos produtos e serviços que entregam e precisam lidar com os desentendimentos frequentes das diferentes áreas da companhia.

Se a busca pelo aumento da produtividade, fazer mais com menos recursos e otimizar tempo são objetivos estratégicos de um negócio, é preciso investir bastante na melhoria dos processos gerenciais e administrativos, colocando os interesses da empresa acima dos pessoais.

Para que isso aconteça, os processos precisam estar bem definidos. O uso de ferramentas para gerenciar metas deve fazer parte da rotina de todos os funcionários e o diálogo deve ser incentivado nos diversos níveis hierárquicos. 

O planejamento de uma mudança precisa ser feito com cautela, pois é necessário manter-se alerta para não atropelar as etapas e prejudicar o funcionamento da empresa. 

A contratação de uma consultoria especializada ajudará o empresário a enxergar as principais falhas dos processos da organização e adotar as soluções necessárias para reverter esse cenário com segurança. 

Profissionalização é o que garante a sobrevivência do negócio

Mesmo quando uma empresa não enfrenta problemas graves como os de natureza financeira, perda de clientes e concorrência acirrada, é preciso investir na profissionalização para garantir a sobrevivência do negócio.

Uma gestão profissional tem como objetivo fazer com que a empresa possa entregar mais, inove e se destaque no mercado. Por isso, a profissionalização deve ser aplicada quando a organização se encontra em uma situação favorável.

Pois, assim, fica mais fácil propor mudanças sem que isso interfira na rotina da equipe e do próprio empresário. Um dos segredos para que uma gestão profissional seja implantada é avaliar o contexto organizacional e identificar qual área levaria mais tempo para se adaptar aos novos processos.

A partir daí, todo um trabalho é realizado para sejam definidos os indicadores importantes para cada área, elaboração dos relatórios que ajudarão o gestor a tomar decisões cada vez mais com base em dados e não achismos. 

Investir em uma consultoria não só fará com que esse processo seja feito de forma mais fluida como o empresário poderá ter acesso a técnicas e soluções eficientes, gerando melhores resultados para seu negócio.

Por fim, para que uma gestão empresarial seja implementada com sucesso, o dono de uma pequena ou média empresa precisa avaliar de forma crítica seu negócio. Somente assim, ele saberá qual é o momento ideal para investir na profissionalização e buscar ajuda especializada para realizar essa tarefa.

Para saber mais sobre o assunto, baixe o e-book “Guia de Governança Corporativa para líderes de sucesso“, onde poderá aprender acerca da importância e dos benefícios trazidos pela governança corporativa na redução de riscos e no aumento do valor empresarial.