Você sabia que a governança corporativa pode trazer diversos benefícios para a sua empresa, que vão desde um negócio mais eficiente e focado na atividade principal até a valorização dela no mercado que privilegia as empresas com boas práticas de governança corporativa?

Neste post você vai entender por que a governança corporativa é essencial para as empresas e quais práticas farão o seu negócio se destacar no mercado.

O que é governança corporativa?

A governança corporativa foi criada, de forma básica, para que fosse superado o chamado “conflito de agência”, que surgiu a partir do momento de criação das grandes corporações e, por consequência, da separação entre a propriedade e a gestão do negócio. Assim, a governança corporativa surgiu para mitigar o conflito de interesses, que muitas vezes existia entre o principal, representado pelo proprietário ou acionistas de uma empresa, e o agente responsável pela gestão, que muitas vezes tinha como interesse próprio o recebimento de bônus e a distribuição de lucros, e não a continuidade e o crescimento da empresa.

Funcionamento da governança corporativa

A governança corporativa atua em diversas frentes, passando por regras que podem dar mais agilidade e foco ao real objetivo do negócio, agilizando diferentes atividades, criando controles internos, protegendo o patrimônio da empresa e conferindo mais transparência a ela.

A governança, composta por uma série de práticas que podem ser adotadas em qualquer tipo de empresa, pode ser empregada em pequenas e médias empresas, familiares ou não, criando mecanismos de proteção, como, por exemplo, comitês em diferentes áreas para a tomada de decisão conjunta, evitando decisões arbitrárias por um único gerente ou administrador.

Como implementar a mudança em sua empresa

Você viu que a governança corporativa pode ser adaptada e usada como vantagem estratégica em qualquer tipo de empresa. Para começar a usufruir de seus benefícios é preciso que a cultura do compliance, ou seja, a disciplina no cumprimento de normas e regras seja disseminada do topo para as outras áreas da empresa. É preciso, também, comunicar os principais benefícios e envolver, de forma contínua, os colaboradores que precisam entender o seu papel e as vantagens que terão com as práticas de governança na empresa.

Crie mecanismos de controle e também de fiscalização e, se necessário, para o caso de transgressões, punições aos responsáveis, mas seja claro sobre o que está acontecendo e demonstre o que aconteceu de equivocado. Crie, também, um sistema de avaliação e métricas, para que possa monitorar e avaliar, de forma frequente, se as ações implementadas estão dando resultados.

Vantagens da governança corporativa

As vantagens da governança corporativa são inúmeras e contemplam a profissionalização e a otimização das atividades, alinhando os objetivos da empresa, aumentando a transparência e melhorando a imagem dela junto ao mercado, reduzindo o risco, no caso de sucessão nas empresas familiares. Também permite manutenção do crescimento e melhoria constante na rentabilidade da empresa, maior sinergia entre os colaboradores, controle das atividades e, consequentemente, ganhos em vantagem competitiva.

Neste post você viu que a governança corporativa cria uma série de mecanismos que protegem e alinham o objetivo da empresa, criando melhor imagem dela junto ao mercado, além de ajudar em questões de risco e até mesmo de sucessão familiar. Quer saber mais sobre esse assunto? Clique aqui e leia nosso e-book sobre erros na sucessão empresarial e entenda mais como a governança corporativa poderá ajudar.

 

Open modal